Eixos

Eixo I 

Contribui para o reforço das capacidades de investigação e inovação e promove todas as fases da cadeia de I&I (da I&D a valorização do conhecimento). Privilegia uma logica de interação entre todos os atores deste sistema, com especial enfoque entre as entidades de investigação e divulgação de conhecimentos (composto pelas universidades, laboratórios do Estado, centros de I&D públicos e entidades de interface, como sejam os Centros Tecnológicos, ou seja, entidades não empresariais do Sistema de I&I) e as empresas (enquanto entidades centrais da componente inovação).

 
Objetivos do Eixo I:  

 
Objetivo Beneficiários  Território
Aumentar a produção científica orientada para a especialização inteligente, de base tecnológica e de alto valor acrescentado Entidades do Sistema de I&I (no caso das empresas, apenas esta previsto o apoio em projetos em co-promoção liderados por entidades não empresariais) Norte, Centro e Alentejo
Tipos de Ações a financiar:  
  1. Projetos de I&D (incluindo operações multidisciplinares e co promoção com empresas);
  2. Participação em programas de I&D financiados pela UE, apoio a preparação de candidaturas por parte de beneficiários potenciais e divulgação e disseminação de resultados de I&D em que participaram;
  3. Apoio ao investimento em infraestruturas de investigação científica e tecnológica, inseridas no Roteiro Nacional de Infraestruturas de Interesse Estratégico, nas seguintes componentes: Infraestruturas físicas, equipamento (e.g. sistemas computacionais e de programação e redes de comunicação que promovam o acesso aberto digital) e outros recursos científicos (e.g. arquivos e bases de dados científicos).    

Objetivo Beneficiários Território
Reforçar a transferência de conhecimento científico e tecnológico para o setor empresarial Entidades não empresariais do Sistema de I&I                      Norte, Centro e Alentejo
Tipos de Ações a financiar:
  1. Iniciativas de interação e transferência de conhecimento com o tecido económico, com vista a valorização económica do conhecimento, e atividades de rede ou de promoção nacional e internacional (incluindo em articulação com outros programas financiados pela UE de investigação, inovação e competitividade) e demonstração de desenvolvimento tecnológico, promovidas por unidades de interface na valorização económica do conhecimento (e.g. centros tecnológicos, centros de transferência de tecnologia e institutos de novas tecnologias, entre outras);
  2. Disseminação e difusão de novos conhecimentos e tecnologias, gerados no âmbito da I&D, nomeadamente através de projetos de elevado impacte no Sistema de I&I (e.g. projetos-piloto demonstradores, ações setoriais de experimentação, ações de difusão de informação cientifica e tecnológica dirigida a empresas) que envolvam entidades de transferência de tecnologia e saber, a partir das entidades não empresariais do Sistema de I&I, para o tecido empresarial;
  3. Ações de disseminação em ambiente experimental de projetos europeus de I&D com sucesso;
  4. Valorização económica dos resultados da investigação, apoio ao patenteamento e licenciamento de propriedade industrial, incluindo a cotitularidade da propriedade industrial e/ou intelectual resultante de desenvolvimentos partilhados no Sistema de I&I e apoio a “projetos semente” promovidos por investigadores e/ou equipas de investigação, para que possam transformar ideias inovadoras em iniciativas empresariais (desenvolvimento e validação de protótipos, provas de conceito pré-comerciais e/ou processos para mercados/setores de aplicação).

 


Objetivo Beneficiários Território
Aumentar o investimento empresarial em I&I, reforçando a ligação entre as empresas e as restantes entidades do Sistema de I&I Empresas e entidades não empresariais do Sistema de I&I                      Norte, Centro e Alentejo
Tipos de Ações a financiar:
  1. Projetos de I&D por parte de empresas, nomeadamente através da realização de atividades de investigação industrial e desenvolvimento experimental;
  2. Criação e dinamização de núcleos de I&I nas empresas no âmbito do plano de atividades de I&D e por um tempo limitado;
  3. Apoios a participação das empresas em programas financiados pela UE de I&D (Horizonte 2020 ou COSME) e ações de disseminação em ambiente experimental de projetos europeus de I&D com sucesso. Podem ser também apoiados os projetos de I&D industrial a escala europeia, tal como os projetos Eureka, que não são financiados por fundos públicos nacionais ou europeus;
  4. Projetos de demonstração dos resultados da I&D empresarial: plataformas digitais com resultados e boas praticas em termos de I&I empresarial e projetos piloto demonstradores e ações de porta aberta;
  5. Projetos de valorização económica dos resultados da I&D empresarial: propriedade industrial, ações de validação pré-comercial de novos produtos ou processos e projetos de valorização económica de projetos europeus de I&D com sucesso;
  6. Projetos Simplificados de I&DT: apoio a pequenas iniciativas empresariais de PME (e.g. aquisição de serviços de consultoria em atividades de investigação e desenvolvimento tecnológico, bem como serviços de transferência de tecnologia).    

 


Objetivo Beneficiários Território
Reforçar as redes e outras formas de parceria e cooperação (Clusters)             Instituições Privadas sem Fins Lucrativos e Agências Públicas                     Norte, Centro e Alentejo
Tipos de Ações a financiar:
  1. Coordenação e gestão de parceria de estratégias de eficiência coletiva de redes e clusters (e.g. ações de clusterização no âmbito das cadeias de valor/fileiras alvo, ações visando a eficiência coletiva e o aumento de escala das empresas, ações de capacitação para a inovação e internacionalização, ações de internacionalização das cadeias de valor/fileiras alvo, ações de disseminação de conhecimento e transferência de tecnologia, marcas coletivas, atividades de colaboração internacional com outros clusters e inserção em plataformas internacionais de conhecimento e inovação);
  2. Participação em iniciativas europeias de colaboração e troca de experiencias entre Estados-membros no domínio da clusterização e plataformas tecnológicas.

 


Objetivo Beneficiários Território
Aumentar o investimento empresarial em atividades inovadoras (produto, processo, métodos organizacionais e marketing)             Empresas Não PME                  Norte, Centro e Alentejo
Tipos de Ações a financiar:
  1. Projetos de investimento em atividades inovadoras, incluindo de natureza produtiva (corpórea ou incorpórea), por parte de não PME, desde que a inovação seja de âmbito nacional/internacional.

19/03/2015 , Por COMPETE 2020