COMPETE 2020 alavanca investimento da Faurecia com um incentivo FEDER de 14 milhões

Um dos maiores fabricantes mundiais de equipamento automóvel inaugurou, este mês, a segunda fábrica em Bragança, que representa um investimento de 41,5 milhões de euros e a criação de 400 novos postos de trabalho até 2018.

 

1. Síntese

A multinacional francesa Faurecia, um dos maiores fabricantes mundiais de equipamento automóvel, inaugurou a 15 de junho de 2016, uma segunda fábrica em Bragança que vai criar 400 postos de trabalho a juntar aos 850 existentes na primeira unidade.

As novas instalações só começarão a laborar em Setembro, depois de um investimento de 41,5 milhões de euros, a que corresponde um incentivo FEDER de 14 milhões através do cofinanciamento do COMPETE 2020, numa fábrica com tecnologia de ponta.

A nova unidade de componentes para automóveis junta-se à já existente, desde 2001, em Bragança, atualmente com 850 trabalhadores, e vai fornecer várias marcas do sector na Europa, como a Jaguar Land Rover, Nissan e Renault.

O projeto submetido pela Faurecia ao COMPETE 2020 visa o aumento da capacidade produtiva para o fabrico de novos e inovadores sistemas de escape, destinados a modelos automóveis específicos, os quais cumpram com a norma Euro 6.2., que entrará em vigor em 2017. 

Deste modo, para poder fabricar estes novos produtos, a empresa necessita de investir na construção de uma novo pavilhão, bem como na remodelação de parte das instalações existentes, de modo a, respetivamente, adquirir o espaço necessário para o fabrico dos novos produtos e ajustar as instalações existentes às especificidades de fabrico dos novos produtos.

A Faurecia, como é tradicional no seu setor, não detém marca própria, produzindo sistemas de escape para serem integrados, enquanto componentes, em modelos de veículos automóveis. Neste contexto, a estratégia de diferenciação da empresa assenta nomeadamente (i) na aposta em atividades de I&D para desenvolvimento de novos componentes, com superior qualidade técnica e ambiental, conseguindo assim conquistar e garantir a satisfação dos Fabricante Original do Equipamento, (ii) no registo de patentes dos seus principais componentes e produtos, (iii) na aposta no estabelecimento de relações duradouras e de confiança com os fornecedores de matérias-primas, as quais lhe permitam garantir a qualidade bem como as condições de preço e as entregas JIT (just in time), e (iv) na garantia de uma elevada eco-sustentabilidade dos seus produtos, apostando crescentemente e de forma pioneira na oferta de soluções ambientalmente sustentáveis que simultaneamente garantam o cumprimento e superação das normas europeias em termos de emissões de CO2.

 

2. Apoio do COMPETE

> Sistema de Incentivos à Inovação

Apoiado pelo COMPETE no âmbito do Sistema de Incentivos à Inovação Empresarial, o projeto “Faurecia Escapes - Estratégia 2017” envolveu um investimento elegível de 41.5 milhões de euros e um incentivo FEDER de 14 milhões de euros.

 

3. Descrição do projeto “Faurecia Escapes - Estratégia 2017”

3.1 Âmbito

O projeto supra visa a aquisição e implementação de um conjunto de tecnologias necessárias ao desenvolvimento e fabrico de três novos componentes a acoplar ao sistema de escape, em resultado da recente adjudicação de novos produtos/projetos. 

Estes novos componentes caracterizam-se por aspetos inovadores e diferenciadores a nível internacional - designadamente, um incremento do controlo de emissões para a atmosfera - destinados a novos modelos de veículos automóveis, os quais serão destinados principalmente a mercados internacionais nos quais a empresa e o grupo já se encontram presentes (tais como o mercado francês, espanhol e inglês). 

Cada novo sistema de escape implica uma nova conceção e desenho, na medida em que a sua configuração, funcionalidades técnicas e qualidade variam consoante os requisitos específicos do cliente, os quais são determinados em termos da gama do veículo, do seu motor e chassi, bem como do segmento de mercado para o qual o mesmo se destina. Desta forma, tendo em conta a redução do ciclo de vida dos veículos, como resultado da crescente pressão ao nível do trinómio mais produtos/mais inovação/menor "time to market", as empresas do setor são impelidas a realizar investimentos em I&D e Inovação cada vez mais avultados e frequentes. Atento o contexto atual do setor da Empresa, afiguram-se como variáveis chave o fator custo e as questões ambientais, os quais são considerados "drivers" essenciais na capacidade de competição das empresas que integram este mercado.

Neste sentido, é fundamental que a Faurecia efetue investimentos em tecnologias de produção que se apresentem simultaneamente (i) mais flexíveis, em função da necessidade de adaptação às alterações ditadas pelo contexto produtivo, (ii) mais eficientes a nível produtivo, nomeadamente no que concerne à utilização dos recursos e (iii) que confiram aos veículos um perfil "environmentally friendly". 

Eis os principais objetivos do projeto: 

1.    Endogeneizar a capacidade para produzir novos componentes para sistemas de escape, com características inovadoras;  2.    Incrementar a capacidade produtiva; 3.    Obter novas soluções ecologicamente mais evoluídas, que permitam à empresa manter-se como um "player" de referência na produção de sistemas de escape que atenuem significativamente a emissão de poluentes.

 

3.2 Objetivos Estratégicos

A empresa definiu um conjunto de Objetivos Estratégicos que se encontram na base da sua estratégia operacional, a saber: 

1.    Garantir a sustentabilidade da estrutura operacional no médio e longo prazo, através da captação de novos projetos/produtos, promovendo a diversificação do portefólio de clientes/projetos;  2.    Apostar em atividades de I&D intramuros de novos componentes do sistema de escape, capazes de cumprir com os novos padrões de emissões de CO2 (Norma Euro6.2 e SULEV) e, bem assim, apresentar características técnicas diferenciadoras e valorizadas pelo mercado, principalmente a nível ambiental;  3.    Garantir a satisfação dos Fabricantes do Equipamento Original, dando resposta às suas exigências através da disponibilização de produtos com elevados níveis de qualidade e níveis de entrega de excelência;  4.    Atingir níveis elevados de eficiência operacional e de produtividade do trabalho, por via da incorporação das "Best Available Technologies" e do desenvolvimento de atividades de I&D/Engenharia na conceção de inovadores processos industriais, com elevados níveis de produtividade. 

3.3 Resultados Esperados

O presente projeto está alinhado com os atuais objetivos estratégicos da Faurecia, atendendo a que:

  • visa o aumento da capacidade produtiva instalada, bem como o desenvolvimento de novos sistemas de escape, assentando numa estratégia de extensão de produtos e de reforço da posição da empresa no mercado global, garantindo a sua sustentabilidade no médio e longo prazo;
  • visa a introdução de novos componentes do sistema de escape, capazes de cumprir com os novos padrões de emissões de CO2, os quais foram desenvolvidos com base em atividades de I&D; 
  • garante resposta às necessidades dos Fabricantes do Equipamento Original, permitindo à empresa posicionar-se como o único produtor, a nível mundial, com "know-how" e capacidade tecnológica para fornecer os componentes para novas versões de automóveis da Jaguar, Land Rover, Renault, Peugeot e Citroen; e
  • permite a incorporação de novas tecnologias produtivas altamente eficientes, garantindo elevados padrões de qualidade e o cumprimento do "time-to-market" definido pelos clientes.

Assim, o plano de investimentos integra ativos tangíveis concretizados na aquisição de máquinas e equipamentos necessários ao aumento da capacidade perspetivada, bem como intervenções ao nível do edifício fabril da empresa. O plano de investimentos integra ainda ativos intangíveis concretizados na aquisição de software necessário aos trabalhos de desenvolvimento e engenharia iterativa de novas de peças e produtos no plano virtual, bem como de novas soluções e processos de fabrico.

A Faurecia encara a inovação e o conhecimento como fatores estratégicos ao nível da sua atuação, os quais lhe permitem marcar posição num mercado exigente e de elevado cariz tecnológico, destacando-se dos seus principais concorrentes e posicionando-se num patamar superior ao nível da curva tecnológica.

 

4. Breve histórico da empresa

A Faurecia - Sistemas de Escape Portugal, Lda. foi constituída a 5 de Janeiro de 2001, com sede na Estrada do Aeroporto, freguesia de Santa Maria, concelho de Bragança, fazendo parte integrante do Grupo Faurecia.  O Grupo Faurecia ("Grupo") nasceu em 1997, sendo especialista na produção de quatro grandes gamas de produtos para automóveis, a saber: assentos; sistemas de interior, sistemas de escape e sistemas de exterior. 

Em Portugal, o Grupo Faurecia possui 7 fábricas, localizadas em Bragança, Nelas, Palmela, São João da Madeira e Vouzela, e ainda duas "joint-ventures". 

Atualmente, o Grupo Faurecia é um dos principais grupos mundiais no fornecimento de componentes para automóvel, possuindo uma quota de 25% do mercado global de sistemas de escape. A importância do Grupo está patenteada em indicadores como (i) a sua presença em 34 países, (ii) o facto de empregar atualmente cerca de 99,5 mil colaboradores, (iii) as suas 330 fábricas, (iv) as 505 patentes registadas em 2014, e (v) os seus 6.000 engenheiros e 30 centros de I&D. 

Inserida no contexto do Grupo Faurecia, a Faurecia - Sistemas de Escape Portugal, Lda. dedica-se à produção de sistemas de escape, sendo a única empresa do Grupo em território nacional a desenvolver esta atividade, tendo apenas três concorrentes nacionais nesta área. 

A empresa conseguiu alcançar resultados positivos a partir do ano de 2007, sendo atualmente a Empresa mais rentável do Grupo Faurecia em Portugal. Neste âmbito, o crescimento da Empresa tem sido sustentado nos seguintes fatores:

  • Crescentes níveis de desempenho da Empresa, quer ao nível da produtividade do trabalho, quer ao nível da excelência dos seus processos de fabrico, resultando em produtos com elevados parâmetros de qualidade;
  • Desenvolvimento de competências endógenas à Empresa, por via da participação ativa nos ciclos de investigação e desenvolvimento ("I&D") associados ao desenvolvimento dos novos produtos e dos respetivos processos de fabrico;
  • Proximidade geográfica da Empresa com os "Original Equipment Manufacturers" ("OEM") (localizados em Espanha e França). 

Atentas as oportunidades identificadas no seu mercado, a Faurecia - Sistemas de Escape Portugal, Lda. especializou o portefólio de produtos nos componentes quentes do sistema de escape (coletores de escape, catalisadores simples, catalisadores com filtros de partículas e tubagens), os quais incorporam maior valor acrescentado para o cliente, atenta a sua componente técnica mais complexa. 

 

5. Links

Website | Versão em inglês: http://www.faurecia.com/en

20/06/2016 , Por Cátia Silva Pinto
COMPETE 2020
FEEI